23 de nov de 2007

Ahhhhhhhhh


Que vontade de responder àquelas perguntas idiotas! Que vontade louca de extravazar minha raiva dessas pessoas mimadas! Que vontade de gritar com as pessoas que deixam essas pessoas mimadas! Parece que minha garganta está sufocada! Sinto meu sangue subir por meu pescoço e bombando meu cérebro. Que vontade de dar uma má resposta. Daquelas que acho que tenho todo o direito! Que vontade de brigar! De enraivecer! De emburrar! De apelar! Como gostaria de gozar da oportunidade de não ter que olhar na cara de quem não quero olhar na cara! De jogar na cara tudo quanto tenho vontade e não precisar pedir desculpas por uma mínima palavrinha fortemente impensada! Meu semblante não mostra esse vulcão iminente dentro de mim... Ahhhhh, ai vem as palavras: "Voltar a outra face", "Não deixar o sol se por sobre minha ira", "amar os inimigos", "amar o próximo com a mim mesmo", "não me irar contra meu irmão", "suportar uns aos outros", "ter o outro em honra acima de mim", "ser manso e humilde", "servir", "amar"... Isso me segura! Ahhhhhhhhhhh

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico muuuuuuuito feliz com a iniciativa de deixar seu comentário. Aqui você pode exercer sua livre expressão e opinião: criticar, discordar, concordar, elogiar, sugerir... pode até xingar, mas, por favor, se chegar a esse ponto só aceito ofensas contra mim (Thiago Mendanha) e mais ninguém, ok? rs