19 de nov de 2007

Conversa por e-mail entre meu grande amigo e eu

*Teófilo:
Moooooooçoooo!!!
Obrigado pelo e-mail.
Tenho certeza que o Pai está nos olhando e não deixará que nada nos
aconteça sem a sua permissão.

Deixa eu te contar um sonho que tive essa semana.

Sonhei que, de repente, eu me via indo para um país distante, gelado,
tinha muita neve... E via um casarão antigo.
No sonho tínhamos uma filha.
Agora eu e minha ungida éramos missionários!
Não levamos nada, apenas as roupas e a filha.
Lá eu comecei a traduzir para a lingua inglesa um software que havia
feito em português. Para ajudar no sustento.
A casa para onde fomos morar havia sido de um senhor que não tinha
familia, e fora abandonada há 10 anos, quando este então faleceu.
Então acordei com o celular despertando...

Engraçado, não é?

Mas, o que me assustou foi quando o *Lavnuh, um irmãozinho de Rondônia
que está morando aqui em *Nárnia, me contou que sonhou comigo e com a
*Rute essa semana... No sonho dele eu estava vendendo tudo o que tinha
para ir me encontrar com a *Rute que já havia ido cumprir sua "missão"
num país estranho... Estavamos indo pregar o evangelho para um pais
desconhecido.

Arrepiou?

Pois eu não gosto nem de pensar, rssrsrsrsrsr...

Cara, que Deus cumpra tudo o que compraz seu coração em nossas vidas!

Fique com Deus!

Eu:

Se arrepiei?! Fala sério!!!
Se uma coisa nesse mundo está valendo a pena é com certeza fazê-lo valer a pena entregando-se ao serviço do Reino!
Para tanto, há de se ter muita fé, coragem, desprendimento e, antes de tudo, amor...
Amor pelos perdidos. Pelas almas que se esvaem no vão da corruptibilidade
do pecado e do afastamento de Deus! Missões!?
Não posso negar o quanto soa nobre esse viver!
Mas, também não posso negar o quanto hesito diante de tal possibilidade!
Se por um lado, o IDE me compele, me fascina, por outro, me arrepia...
Doravante, quando se há no coração a certeza
confirmada pela fé da vocação por Deus semeada na alma,
não nos há escolha! No máximo, ao fugir da proposta divina,
estaríamos dando com os burros n'água como Jonas o fez ao
interferir nos sublimes e insondáveis planos de Deus, por motivos
oriundos de sua mente fechada e cauterizada para a magnitude
do poder de alcance da Salvação de Deus! Pretensiando poder
sobrepor sua limitada visão de mundo à boa, perfeita e agradável
vontade do Pai para toda a humanidade!
Missões?! Aí, está algo que realmente parece ser algo grande de se
fazer aqui nesta Terra! Muito mais que ser um
bom irmãozinho-dizimista-frequentador de igreja,
pressupondo ajudador na "obra" de Deus!
Confesso a ti que tenho me desiludido muito com esse
modo de viver o Evangelho!
Confesso que luto para não estar fora da igreja.
Digo-o com "i", pois, falo da instituição formal do homem!
Porque tenho plena certeza que da Igreja com "I" não me afastarei jamais,
pois, esta no sentido abstrato está espalhada pelo mundo
coexistindo naqueles que realmente se esforçam por viver o verdadeiro
Evangelho que é o poder de Deus para a Salvação de todo aquele que crê!
Vivo um momento da minha vida cujo a trilha sonora é "I still haven't found What I'm looking For" do U2, a letra da música segue abaixo:
Eu escalei as mais altas montanhas
Eu corri através dos campos
Apenas para estar com você
Apenas para estar com você

Eu corri, eu rastejei,
Eu escalei estes muros da cidade,
Apenas para estar com você
Apenas para estar com você

Mas eu ainda não achei
o que estou procurando
Mas eu ainda não achei
o que estou procurando

Eu beijei lábios doces
Senti o calor nas pontas de seus dedos,
que queimavam como fogo
este desejo ardente.
Eu falei na língua dos anjos
e segurei na mão do demônio.
Ela me esquentava durante a noite.
Eu estava frio como uma pedra.

Mas eu ainda não achei
o que estou procurando
Mas eu ainda não achei
o que estou procurando

Eu acredito na vinda do Reino
E então todas as cores sangrarão em uma só.
Mas, sim, eu continuo correndo.
Você quebrou as algemas,
Livrou-se das correntes,
Carregou a cruz
e a minha vergonha.
Você sabe que eu acredito nisso.

Mas eu ainda não achei
o que estou procurando
Mas eu ainda não achei
o que estou procurando
Então, meu amigo, meu irmão! Se achou o que está procurando me regozijarei contigo! E continuarei na minha busca pessoal pelo meu lugar na grande Comissão!
Amamos vocês... e estou orando!!!

Teófilo:
Bom dia, meu amigo!

Você não sabe o quanto eu tenho saudade das nossas
conversas ao vão...
Só para se lembrar, hoje faz 4 anos que eu e minha princesa mais linda
do mundo começamos a namorar!
Ela tem se cuidado em preservar a fé e a certeza do alvo, não deixando
que o inimigo roube de nós a alegria pelas circunstâncias. E eu fico
maravilhado ao ver que Deus me honrou sobremaneira me
dignificando a ser
esposo dessa mulher!
Estamos entendendo o recado de Deus!
Os e-mail's que me mandou, com certeza, foram a melhor terapia para a
minha alma nesses últimos momentos.

Essa música também me soa uma íntima experiência.
Há dois dias atraz decidi que não irei me sangrar tanto para uma
instituição de "i". Quero fazer mais pela minha
verdadeira procedência, "I".
Eu pensava há pouco sobre o que seria, na íntegra, o amor.
E não há como
se esconder do fato.
O amor é a linguagem com a qual Deus alcança os ouvidos e
a vida de um
homem.
O amor traduz as pessoas, o que elas pensam,
o que são em secreto.
O amor nos move os passos todos os novos dias.
Quando algo em nós contradiz o amor a paz se ausenta.
Deveriamos ser movidos sempre pelo amor.
Não lutariamos para encher a "i"greja, mas
trabalharíamos para dar lugar
aos sedentos na "I"greja, tendo alimento para eles.

Às vezes, corremos demais atráz de
sonhos, conquistas, fartura,
prazeres; tão somente para alimentar o nosso "eu";
e despercebemos a
grandeza do poder de Cristo em nós.
Queremos usar esse poder para
exaltar a nossa capacidade de usá-lo. Queremos ajudar as pessoas para
exaltar a nossa capacidade de ajudar. Queremos tudo por todos para
exaltar a nossa capacidade de não sentir falta de nada. Porque na
maioria das ações, pensadas ou não, estamos apartados do verdadeiro amor
não fingido testificado na cruz de Cristo.

O 'sacrifício', quando por amor, não admite o
sinônimo 'sofrimento', mas
se revela como o exercício da essência de Deus no homem, negando a sí
mesmo, prezando o Reino.

"Digo isto, não por causa da pobreza, porque aprendi
a viver contente em
toda e qualquer situação. Tanto sei estar humilhado como também ser
honrado; de tudo e em todas as circunstâncias, já
tenho experiência,
tanto de fartura quanto de fome; assim de abundância como
de escassez;
tudo posso naquele que me fortalece."
(Paulão, Filipenses 4:11-13)

Não vamos esmurecer nunca!
Retroceder, jamais!!!

Avante, para o que se tem a cumprir da parte de Cristo em nós
(Teófilo, Rute, Thiago e Fernanda), meu maninho do peito!

Amamos vocês!
Teófilo.

Eu:
Graça e paz seja contigo, mano!

Fico aliviado de saber que pelo menos
mais um partilha dessa sublime verdade do Evangelho!
O Amor!!!
Alguns dizem ser apenas um sentimento. Outros uma força cósmica.
Ainda outros o equivalem a sexo. Alguns confundem com paixão.
Há os que não o distinguem de possessão. Outros
pensam ser uma emoção.
O fato é que, o mundo já não sabe mais o que é Amor!
Já não vive o Amor!
Não preza pelo Amor! Não respeita o Amor!
E, tristemente, não acreditam no Amor!
Jesus disse que seu discípulos seriam r
econhecidos pelo Amor!
E estes aprenderam o que é Amor. Pois conviveram
com o Amar que se
fez carne! Romperam com todos seus paradigmas
e aprenderam do Amar que é manso e
humilde de coração! A Igreja do primeiro
século não usufruia dos recursos da
pós-modernidade, dos quais, a Igreja de
hoje disponhe. Não havia mídia para se
alcançar os confins da terra! Não havia internet
para doutrinar as jovens
igrejas. Não contavam com a globalização para
tornar o anunciamento das Boas
Novas uma mania internacional! Não contavam com
as estratégias, metodologias,
didáticas e fórmulas elaboradas para se alcançar os
perdidos! Não possuíam
templos suntuosos e confortáveis para poderem esperar
sentados que as pessoas se
interessassem pela mensagem pregada dentro destes!
Não dispunham de meios de
transporte rápidos e seguros - salvo os aviões da TAM - que
nos possibitam dar a
volta ao mundo num prazo que eles sequer imaginaríam
ser possível! Os pais da
Igreja não tinham dinheiro para poderem arcar com
sua odisséia evangelística!
Não usufruiam de uma mega estrutura de palco
para show, com aparelhos de som
sofisticados, efeitos de luz e telões para
reunirem pouco mais de 3 mil ouvintes
dispostos a curtir o que tinham a dizer! Não era possível
gravar mídias de CD ou
DVD para distribuírem - e arrecadar dinheiro - sua tão
urgente notícia! Muito
menos, podiam imprimir suas inspiradas obras literárias
para edificar a jovem
Igreja! Não faziam uso de slogan, identidade visual,
propaganda, apelos
comerciais e teologias-pílulas para tornarem popular
o recado ao mundo! Nem
usavam lindas camisetas: Adorador Extravagante, Louco
por Jesus, Exército de
Deus... e por aí vai! Eles não entederam o "dia-a-dia
tome a sua cruz e
seque-me" com um símbolo cristão pendurado ao pescoço!
Acho que levaram para um
lado mais sacrificial! Não tinham sequer a liberdade
de expressão como em nossa
democracia! Não se davam o luxo de buscar
primeiramente as outras coisas para
que o Reino de Deus lhes fosse acrescentado!
Cara?! Como conseguiram
cumprir o IDE sem nada disso?
Como puderam revolucionar o mundo com a
única coisa que não temos hoje? Com Amor?!

Abraços, maninho!
Estamos orando por vocês!!!
Graça e muita paz!!!!

Teófilo:
Bom dia!
Que o amor e a paz advindos do sacrifício de Cristo
transforme todos
os seus sentimentos e pensamentos num elo entre você e
Deus! Enfluxionando toda
a presença dEle para a tua vida!

Cara, como têm me edificado os seus
e-mail's.
Ontem à tarde passei por uma experiência
massacrante para o meu
espírito e com certeza para o Espírito Santo também.
Um membro do ministério
de música veio me procurar para contar-me de uma
"conspiração" contra mim dos
próprios membros do ministério. Um monte de
tolices que não quis acreditar.
Pensam em marcar uma reunião onde o objetivo
principal é me humilhar! Coisas do
tipo: "Porque a voz da Rute se sobresai mais que
a nossa...?", "Porque temos
que cantar todos no tom que a Rute ou a *Alia
consigam cantar...?"; e daí para
bem pior...
Fiquei irado quando soube de tanta fofoca e
cochicos entre eles,
lembrando-me dos tapinhas nas costas de "Teófilo, meu lider
predileto".
Cadê o amor?
Realmente, uma igreja sem amor é uma igreja
manipulada pelo demônio! Falida! E, com certeza, dela não
se deve esperar os
Sinais da Vinda do nosso Lindo Jesus!
Procuramos, imediatamente, conversar
com o pastor. Eu estava disposto a entregar a liderança
e levantar bandeira
branca... Mas, não! Vou lutar de todas as maneiras para
desmascarar o diabo,
porco sujo! E com ele será envergonhado todos os que
integram essa igreja de
"i".
Mano, eu quero ser usado para derrubar dos pedestais
todos os que acham
que podem tomar para si a Glória de Deus!
Quero ser um "reformador" do
evangelho! E a melhor reforma é quando nos dispomos a
derrubar toda a construção
para levantá-la novamente!
Quero me dispertar para o amor do
IDE!

Marquei uma reunião do ministério para hoje, e
peço que você ore
para que Deus me dê sabedoria para falar apenas
o que necessita ser falado.
Rsrs...

Fique com Deus!
Um abraço!
__
Teófilo.
* Nomes fictícios para preservar a privacidade dos citados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico muuuuuuuito feliz com a iniciativa de deixar seu comentário. Aqui você pode exercer sua livre expressão e opinião: criticar, discordar, concordar, elogiar, sugerir... pode até xingar, mas, por favor, se chegar a esse ponto só aceito ofensas contra mim (Thiago Mendanha) e mais ninguém, ok? rs