16 de dez de 2007

Thinks

A ciência dá ao homem [e às mulheres] poderes cada vez maiores, porém significação cada vez menor; aprimora seus instrumentos e despreza seus propósitos; silencia sobre suas origens, valores e objetivos finais; não dá à vida ou à história significação ou valor que não seja cancelado pela morte ou pelo tempo que tudo consome.

Portanto os homens [e as mulheres] preferem a garantia do dogma à duvida da razão; cansados do pensamento indeciso e do julgamento incerto, acolhem alegremente a orientação de uma igreja autoritária, a catarse do confessionário, a estabilidade de um credo há muito firmado. Envergonhados com o fracasso, privados daqueles que amam, manchados pelo pecado e temerosos da morte, sentem-se redimidos pelo auxílio divino, limpos da culpa e do terror, confortados e inspirados pela esperança, e elevados a um destino divino e imortal.

Will Durant em "A Reforma" - na série História da Civilização - Editora Record.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico muuuuuuuito feliz com a iniciativa de deixar seu comentário. Aqui você pode exercer sua livre expressão e opinião: criticar, discordar, concordar, elogiar, sugerir... pode até xingar, mas, por favor, se chegar a esse ponto só aceito ofensas contra mim (Thiago Mendanha) e mais ninguém, ok? rs