8 de abr de 2008

Igreja emergente?

Este post é em resposta a uma leitora (Daniela Dantas) que manifestou interesse sobre Igreja emergente e aproveitando a oportunidade, que possa servir de esclarecimento para outros que porventura tenham a mesma curiosidade.

Querida Daniela, agradeço a visita ao blog.

Primeiro, gostaria de expor minha situação em relação à igreja emergente. Minha aderência [mesmo que incosistente e titubeante] às idéias emergentes a nível de conceitos não se deram há mais de um ano. Embora, após me encontrar com o movimento eu possa apontar no meu passado na caminhada cristã, muitas inquietações inerentes às propostas das igrejas emergentes, tenho experimentado e pesquisado temas e visões concernentes ao assunto. Procuro sempre me inteirar das novas conversas postas em questão para o contexto da cristandade relevante na realidade brasileira, bem como, acompanhando o desenrolar da conversa emergente em outros países. O que quero dizer é que não sou o maior indicado para tratar sobre o assunto de forma que não passo de um recém chegado nestas idéias. Convenientemente, sinto-me bastante à vontade com as propostas de cristianismo autêntico do movimento.

Segundo, pelo que venho me informando, igreja emergente não se trata de uma nova denominação. Não reivindica ser a "igreja verdadeira". Não possui "um fundador" de forma similar à Reforma protestante seguida do Luteranismo, Calvinismo, Anglicanismo e outros "ismos". Não possui "um líder" que encabeça o movimento. Não se trata de proselitismo ou uma onda do protestantismo, ou do evangelicalismo e não se trata de uma ideologia exclusiva dessa geração. A conversa emergente, pelo visto, parece abstrair uma instituição de definições, dogmas, credos, doutrinas e liturgias absolutas e engessadas nos moldes da igreja moderna. As igrejas emergentes sobressaem pela sua relevância no contexto pós-moderno.

Enfim, como não posso discorrer com maior propriedade do assunto de forma a sanar suas dúvidas pertinentes, vou deixar alguns links que tratam especificamente da igreja emergente e que no decorrer da minha desconstrução de paradigmas me influenciaram ou pelo menos me fizeram pensar:

http://igrejaemergente.blogspot.com/
http://simplice.net/index.php?tag=igreja%20emergente
http://tempora-mores.blogspot.com/2006/06/neo-ortodoxia-emergente.html
http://www.igrejaemergente.com.br/
http://www.projeto242.com/novo/home.aspx
http://blog.myspace.com/projeto242
http://www.ricardogondim.com.br/
http://www.crerepensar.com.br/

Espero ter ajudado um pouco! Graça e paz, Daniela...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico muuuuuuuito feliz com a iniciativa de deixar seu comentário. Aqui você pode exercer sua livre expressão e opinião: criticar, discordar, concordar, elogiar, sugerir... pode até xingar, mas, por favor, se chegar a esse ponto só aceito ofensas contra mim (Thiago Mendanha) e mais ninguém, ok? rs