29 de out de 2008

Adorador orgânico

adoorganico.jpg

Na ordem divina, a vida produz seu próprio organismo, seja um vegetal, um animal, um ser humano ou um espiritual. Isto significa que tudo vem do interior. A função, a ordem e a fruta emitem e emana essa lei. A cristandade organizada inverteu inteiramente esta ordem. Infelizmente.

A frase, “igreja orgânica” é uma frase que gera desconforto e faíscas. Eu ainda procuro achar tempo e descobrir uma frase que fale sobre isso porem sem provocar faíscas e desconfortos.

“Igreja orgânica,” significa uma igreja não-tradicional que nasceu naturalmente com uma vida espiritual em vez de algo construído pelas instituições humanas e mantido por unidades religiosas. A vida de igreja orgânica é uma experiência com bases no que as pessoas estão sentindo e no relacionamento frente a frente, cada pessoa em sua individualidade, as reuniões são participativas, a liderança não é hierárquica, e a centralidade e a supremacia é Jesus Cristo como o líder e a cabeça funcional do corpo.

Uma outra maneira de enxergar a vida da igreja orgânica é a “experiência” do corpo de Cristo.

Vou tentar usar uma ilustração, se eu tentar criar uma laranja em um laboratório empregando a capacidade humana e habilidades de organização, a laranja criada no laboratório não é orgânica. Mas se eu planto uma semente alaranjada na terra que produz uma árvore alaranjada, a árvore é orgânica.

Uma igreja orgânica é uma que é produzida naturalmente quando um grupo de pessoas encontrou Jesus Cristo fazendo com que “DNA do IDE” aja livremente sem burocracias e obstáculos. Resumindo, “a igreja orgânica” descreve sendo um tipo de igreja que personifica o ensino bíblico mostrando a igreja como um organismo espiritual e não uma organização institucional.

A igreja orgânica não é um teatro com um certificado. É uma viagem espontânea do estilo de vida de Jesus fazendo com que eles realmente sejam discípulos.

Uma igreja orgânica pode ser contrastada com “a igreja institucional.” “Pela igreja institucional,” significa que ela foi criada por uma organização humana, pela liderança denominada corrente/comando, e por programas institucionais. Com uma liturgia que marca uma ordem semanal de adoração. É controlada por uma organização hierárquica invertida. A igreja institucional foi chamada frequentemente “a igreja tradicional,” “a igreja organizada,” e “a igreja da audiência.” As pessoas que vão prestam atenção a um desempenho religioso uma vez durante a semana, e então voltam para suas casas para viver suas vidas cristãs individuais.

A liderança é hierárquica na igreja institucional e os cristãos são divididos em “membros” e “liderança”. Algumas igrejas institucionais têm reuniões de grupo pequenas fora das paredes da igreja durante a semana onde os membros começam a ter um gosto por uma vida em comunidade. Alguém é sempre “responsável,” e o grupo está finalmente sob a autoridade e as limitações do pastor ou da liderança em si.

Nós podemos pensar na diferença entre igrejas orgânicas e igrejas institucionais dessa maneira. Quando as pessoas que querem adorar a Deus montam junto com base nos princípios de organização como por exemplo a General Motors e Microsoft, nós chamamo-lo uma igreja institucional. Mas quando as pessoas querem adorar a Deus e se reúnem juntos com base na vida de Jesus Cristo, nós chamamos de uma igreja orgânica.

Um dos erros comuns que é feito hoje é confundir todos os grupos caseiros com igrejas orgânicas. A razão é simples. Não são todas as reuniões que acontecem em uma casa que significa que é uma igreja orgânica. Alguns são completamente institucionais.

Fico me perguntando frequentemente “Como uma reunião em casa pode virar uma igreja orgânica?” Isso é impossível de responder por que o termo “igreja orgânica” é tão complexo que é possível numerar as variações desse nome, tudo pode ser orgânico. Na minha mente é como perguntar como que uma igreja orgânica funciona é só como olhar para uma planta e perguntar até onde vai dar essa pequena plantinha. Há tipos incontáveis das plantas, ervas daninhas, arbustos, árvores, arbustos, videiras, etc. Na mesma maneira, há uns tipos incontáveis de igrejas orgânicas.

“A igreja orgânica,” conseqüentemente, descreve melhor os tipos de igrejas que eu e muitos outros cristãos pelo mundo experimentaram, viveram e estão vivendo neste exato momento.

Jota Mossad [via Princess Blog]

P.S.: "A igreja orgânica não é um teatro com um certificado. É uma viagem espontânea do estilo de vida de Jesus fazendo com que eles realmente sejam discípulos". O potencial da comunidade dos crentes que são livres das amarras institucionais é algo que vêm me surpreendendo bastante. O alcance pessoal é muito mais intenso. Enquanto que uma "igreja institucional" visa alcançar as massas, uma "igreja orgânica" visa alcançar os próximos. Particularmente acho que o discipulado pessoal, embora sendo em menor escala, apresenta muito mais resultado que o discipulado coletivo que é indiferente à individualidade de cada discípulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico muuuuuuuito feliz com a iniciativa de deixar seu comentário. Aqui você pode exercer sua livre expressão e opinião: criticar, discordar, concordar, elogiar, sugerir... pode até xingar, mas, por favor, se chegar a esse ponto só aceito ofensas contra mim (Thiago Mendanha) e mais ninguém, ok? rs